Passar para o Conteúdo Principal

siga-nos! link Facebookaddicionar aos favoritosRSS feed

partilhar partilhar

Município de
Carrazeda
de Ansiães

Revista sobre Património Cultural de abrangência regional surge no concelho de Carrazeda de Ansiães

Capa revista mem ria rural 1 980 2500

Chama-se “Revista Memória Rural”, tem uma periodicidade anual, assume-se como o órgão de comunicação do Museu da Memória Rural e vai surgir no panorama editorial de conteúdos culturais da região no próximo dia 24 de novembro, sábado, em Carrazeda de Ansiães.
A apresentação pública da “Revista Memória Rural” será realizada pelo Professor Catedrático da Universidade do Porto, Doutor Gaspar Martins Pereira, estado o ato agendado para o dia 24 de novembro, às 16 horas, na sede do Museu da Memória Rural, em Vilarinho da Castanheira, concelho de Carrazeda de Ansiães.
A edição deste primeiro número é integralmente suportada pela autarquia local que apostou na via editorial para dar dimensão regional a um projeto museológico que desde há cerca de 5 anos tem vindo a ser desenvolvido no seu território concelhio.
O Museu da Memória Rural, espaço que acolhe e é responsável pela criação e dinamização desta iniciativa editorial, é um projeto museológico polinucleado que tem vindo a ser construído por diversas aldeias do concelho de Carrazeda de Ansiães, caraterizando-se fundamentalmente como uma instituição local que visa responder às necessidades de dinamização cultural e preservação do espólio identitário de um território marcado pelos fortes problemas da interioridade.
Constituído na atualidade por 5 núcleos museológicos dispersos por diferentes localidades do território concelhio, o Museu da Memória Rural está a ser idealizado como um projeto pioneiro na região, assentando os seus pressupostos nos princípios de uma museologia social e coesiva que pretende o envolvimento e a participação da comunidade num processo dinâmico de valorização dos recursos culturais do concelho. Metodologicamente o museu aposta numa abordagem participacionista do património, privilegia uma visão dinâmica do passado e pugna por uma intervenção científica e cultural capaz de operar com metodologias de intervenção comunitárias, democráticas e participativas.
É neste contexto genérico de valorização do Património Cultural e da Memória Histórica local e regional que agora surge a “Revista Memória Rural”, uma publicação impressa que tem como principal intuito fortalecer o processo de comunicação do projeto museológico, tentando dar-lhe visibilidade e dinâmica regional e nacional.
No número de lançamento participaram 23 autores que escrevem ou publicam material gráfico e fotográfico sobre temáticas relativas ao património cultural da região de Trás-os-Montes e Alto Douro. Trata-se, nas palavras de João Gonçalves, presidente da Câmara Municipal de Carrazeda de Ansiães, de “um novo desafio”, o lançamento desta nova revista de cariz técnico e científico. O autarca deseja que

esta iniciativa se constitua como “um espaço de publicação de artigos de grande interesse para o concelho e para a região e na qual possam participar especialistas dedicados à pesquisa, interpretação e preservação do património cultural”, um vazio editorial que pode ser constatado a nível regional, mas que esta iniciativa da autarquia de Carrazeda de Ansiães vem agora ajudar a colmatar.

MMR edigma

  • SGS logótipo
  • W3C logótipo
  • compete logótipo
  • QREN logótipo
  • UE logótipo
  • wiremaze logótipo